Dicas para reduzir a humidade da sua casa

Com o aumento dos dias ventosos e chuvosos surgem também os problemas com a humidade, bolor, fungos, manchas e até o descascamento das paredes de casa. Isto sem falar dos imensos problemas respiratórios e alergias que podem ser causados devido a todos estes problemas.
No entanto, saiba que eles podem ser diminuídos, ou até eliminados, ao colocar em prática algumas dicas para reduzir a humidade da sua casa.

Primeiro passo: descubra a origem do problema

Primeiramente, antes de mais nada, é importante que se descubra a causa da humidade, pois assim será possível tratar diretamente a causa do problema.

Normalmente existem quatro principais causas que podem desencadear problemas de humidade: infiltração, condensação, canalização, e ascendente.

Infiltração

A humidade infiltrada é proveniente da água da chuva e causa manchas amareladas nas paredes, que sem o devido tratamento escurecem e ganham bolor. Para solucionar este tipo de problema utilizam-se técnicas de isolamento com material impermeável.

Condensação

Este tipo de humidade é causada por problemas de ventilação e arejamento da casa. Surgem manchas de humidade com aspecto irregular nas paredes ou no teto, principalmente nos cantos.
Neste caso, para evitar a humidade, deixe a casa bem ventilada e evite secar roupas no interior. No entanto, se for inevitável, utilize um desumidificador para equilibrar a humidade interna do ambiente.

Canalização

Neste caso, normalmente nota-se manchas húmidas permanentes, e até mesmo bolor, junto às canalizações e a aparelhos sanitários, oriundos de fugas na canalização. Desta forma, a única solução é realmente localizar a fuga e fazer os devidos reparos para sanar o problema.

Ascendente

Este tipo de humidade tem como causa infiltrações presentes no solo, em pisos e paredes. A água repassa do solo e sobe pelo pavimento e paredes. Acontece geralmente em terrenos húmidos: em construções junto a rios, por exemplo, e também em pisos inferiores, como garagem e rés-do-chão. Neste caso, a melhor solução mesmo é fazer um tratamento de impermeabilização nas paredes, pisos e elementos da fundação.

Dicas para reduzir a humidade em casa

Agora que já conhece as possíveis razões do problema, compartilho abaixo algumas boas dicas para te ajudar a deixar o problema sob controlo.

  • Faça a manutenção preventiva das telhas e calhas. Confira se os tubos estão limpos de forma a permitir a passagem da água com facilidade.
  • Deixe a casa ventilada! Seja pela ventilação natural obtida através das janelas e das portas, ou seja pela utilização de ventiladores e exaustores.
  • A utilização de tintas impermeabilizantes nas paredes também ajudam a afastar a humidade da sua casa.
  • Dê uma atenção especial às áreas mais húmidas, como por exemplo a cozinha e a casa de banho. Investir num sistema de exaustão pode ser uma ótima opção para diminuir a humidade.
  • Evite secar roupas dentro de casa. Entretanto, se for realmente necessário, utilize um desumidificador no mesmo ambiente para auxiliar.
  • Ao cozinhar, mantenha sempre o exaustor ligado.
  • Para a humidade originada por condensação (da casa de banho, por exemplo), limpe bem as manchas ou bolor das paredes ou teto com lixívia e depois de seco, pinte com uma tinta antimofo.
  • Hoje em dia existem no mercado sensores de humidade, que além de identificarem os níveis de humidade do ambiente podem também ser integrados ao desumidificador e sistema de ventilação. Desta forma, os equipamentos são ativados automaticamente, a deixar todos os níveis sob controlo na sua casa.

Fontes de pesquisa: Homify e Ekonomista

À procura de uma nova oportunidade de trabalho? Faz como eu, muda de vida e vem fazer parte desta equipa vencedora.

close

Inscreva-se na nossa Newsletter para receber todas as nossas novidades no seu email!

* Ao subscrever-se você concorda com a recolha e tratamento dos seus dados pessoais para envio de e-mails.

Add Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *